Arquivo para agosto, 2012

Solidão

Posted in Divagando, Poesias on agosto 17, 2012 by sinistrum
Imagem

Estou so, minha alma esta em pedaços…
o peito aperta machucando o caração,
a vida que segue seus traços,
como se viver fosse obrigação.

Não há razão na luta, o fim está perto.
as coisas estão pesadas, e a dor é forte
o caminho sem direção nesse deserto
não passa de atálhos para serena morte.

Por que viver nessa tristeza sem fim?
o que fazer para tirar essa dor?
meu coração ja não faz parte de mim.
tudo isso é por causa do amor?

Vivendo só em meio a multidão,
cade você quando eu mais preciso?
onde está aquela emoção?
cade você, cade teu sorrizo?

Eu ja não sei o que acontece,
essa dor que me dar calafrio,
meu peito sangra, minha alma padece,
meu rosto esta firme, mas eu rio.

By: Ax Silva Sousa